1. This product was added to our catalog on Saturday 03 December, 2005.

    Daisies - INDISPONÍVEL

    Our Price:  1.89EUR

    Marguerite - Chrysanthemum - Margaridas - Margarita
    Chrysanthemum leucanthemum

    Margaridas

    Nome Científico: Chrysanthemum leucanthemum.

    Sinónimos: Chrysanthemum leucanthemum L. var. boecheri Boivin, Chrysanthemum leucanthemum L. var. Pinnatifidum Lecoq & Lamotte , Leucanthemum leucanthemum (L.) Rydb., Leucanthemum vulgare Lam. var. pinnatifidum (Lecoq & Lamotte) Moldenke.

    Nome Comum: Margaridas.

    Nomes Populares: Margaridas, Crisântemos, Malmequeres, Bem-me-Quer, Bonina, Margarida, Margarita, Margarita-Maior, Malmequer-Maior, Malmequer-Bravo ou Olho-de-Boi.

    Família: Asteraceae.

    Origem: Ásia, Europa.

    Habitat: Campos, pastos, beiras de estradas e caminhos, terrenos baldios, jardins.

    História: Planta cultivada na China á mais de 2000 anos, o Crisântemo foi introduzido na Europa no séc, XVIII, tendo sofrido um grande desenvovimento de cultivares.

    Descrição: Planta herbácea, perene, vivaz, com caules ramificados, longos, de cor verde médio a glabro. A planta de Crisântemo pode atingir alturas de 1 m. Formam plantas arbustivas com folhagem de cor verde médio a acinzentado ou ligeiramente prataeado. As suas folhas são dentadas, alternadas, sésseis, semi-caducas. As inflorescências são capítulos com flores liguladas e tubulosas, bissexuais, o receptáculo é plano ou convexo com brácteas brancas, sendo o centro amarelo. O fruto é um aquénio.

    Sementeira: No local definitivo entre Abril-Junho ou em estufa ou estufim entre Março-Maio.

    Transplantação: Maio-Junho.

    Crescimento: Rápido.

    Floração: Junho a Setembro.

    Luz: Pleno sol.

    Solos: Férteis, com muito boa drenagem, húmidos, frescos, alcalinos a um pouco calcários.

    Temperatura: Zonas temperadas. Resistente ao frio.

    Rega: Regular. Regar abundantemente em tempo seco e quente.

    Adubação: Adubar um pouco com fertilizante equilibrado a cada 2 semanas.

    Poda: Podar as extremidades dos caules para melhorar a forma e promover a rebentação lateral e assim melhorara e aumentar a floração.

    Pragas e doenças: Nemátodos, tripes, afídeos, mosca branca, aranhiços, Ferrugem, Phytium, Septoria chrysanthemella, Botrytis cinerea.

    Multiplicação: Semente na primavera, divisão de touças na primavera ou no Outono.

    Aplicações medicinais
    Esta planta tem características comuns com a camomila, podendo ser utilizada para algumas aplicações medicinais. Podem ser usadas as suas folhas e flores em infusão, sendo o seu chá indicado para os brônquios quando atacados. É diurético, adstringente, indicada para úlceras do estômago e problemas de bexiga, antipasmódico, para cólicas e problemas digestivos.

    Utilização: Canteiros, bordaduras, vasos, flor de corte.

    Autor: André M. P. Vasconcelos (Engenheiro Agrónomo)

    Outras Sementes de Plantas ou Flores Aromáticas



    Reviews
Categories