1. This product was added to our catalog on Tuesday 06 September, 2005.

    Everlasting Flower Mixed-INDISPONÍVEL

    Our Price:  2.45EUR

    Everlasting Flowers - Imortais - Everlasting Flower - Sempre Vivas - Imortais - Flores de Papel
    Helichrysum bracteatum

    Imortais

    Nome Científico: Helichrysum bracteatum

    Sinónimos Botânicos: Xeranthemum bracteatum Vent., Bracteantha bracteata.

    Nome Comum: Sempre Vivas.

    Nomes Populares: Sempre Vivas, Imortais, Flores de Papel, Perpétuas.

    Família: Asteraceae

    Habitat: Espaços abertos, campos de cultivo ou pastos, jardins.

    Origem: Austrália

    Descrição: Planta herbácea, perene em climas quentes ou amenos, cultivada como anual ou bienal. Têm cerca de 30-80 cm de altura, de porte erecto e de cor verde a verde azulado. As folhas são alternas, lineares, oblongas a lanceoladas com cerca de 5-10 cm de tamanho. As flores de Imortais ou Sempre Vivas são formadas por multiplas brácteas, secas e de cores brilhantes, com textura idêntica á do papel. As brácteas são parecidas com pétalas e têm entre 5-7 cm de tamanho na diagonal. As flores podem apresentar várias cores, com excepção do azul, e até misturas de amarelo, branco, rosa e roxo. Fecham-se á noite ou em dias com pouca luz. São muito cultivadas para secagem das suas flores. As Imortais ou Sempre Vivas são plantas atractivas para abelhas e borboletas.

    Sementeira: No local definitivo na Primavera ou no interior a 20-21 Cº, 8-10 semanas antes do fim das geadas.

    Crescimento: Rápido

    Transplantação: Quando opurtuno. Espaçamento de 20-30 cm.

    Luz: Sol, pode tolerar alguma sombra.

    Solos: Muito permeáveis, húmidos, de preferência com pH entre 6.6 a 7.5.

    Temperatura: Climas temperados a sub-tropicais. Resistente ao frio mas não ás geadas.

    Rega: Regular, de preferência em pouca quantidade. Deixar secar o solo entre regas pode levar a uma menor produção de flores.

    Adubação: Adubo para plantas de flor. Ex: 5-10-5

    Floração: Verão/Outono até ás primeiras geadas. O seu período de floração é prolongado o que faz desta planta uma boa opção para jardíns ou para flor de corte.

    Poda: Cortar as flores velhas de Imortais ou Sempre Vivas para prolongar a floração e pinçar os rebentos apicais das plantas jovens para promover a ramificação e logo, um maior número de flores.

    Pragas e doenças: Míldio.

    Multiplicação: Semente

    Utilização: Canteiros, bordaduras, vasos, corte e para secar.

    Esta planta é muito cultivada para secagem das suas flores para arranjos e decoração. Para secar as flores de Imortais ou Sempre Vivas devem-se cortar antes de estarem totalmente abertas e pendurá-las de cabeça para baixo, em molhos, num local arejado e escuro para conservarem a cor.

    Autor: André M. P. Vasconcelos (Engenheiro Agrónomo)

    Outras Sementes de Plantas ou Flores Aromáticas



    Reviews