1. This product was added to our catalog on Monday 12 September, 2005.

    Pansy Mixed-INDISPONÍVEL

    Our Price:  2.45EUR

    Pansee - Viola - Amores Perfeitos - Trinitaria
    Viola tricolor
    * Planta de flor comestível ou com pétalas ou flores comestíveis!
    --> As pétalas têm um sabor adocicado suave e a flor completa um sabor mais vegetal e ligeiramente ácido.

    Alfazema ou Lavanda
    Amor-Perfeito Mistura

    Nome científico: Viola tricolor

    Sinónimos botânicos: Viola tricolor var. hortensis DC., Viola arvensis.

    Nome comum: Amor-Perfeito

    Nomes populares: Viola, Amor-Perfeito, Pensamentos.

    Família: Violaceae

    Origem: Ásia e Europa

    Habitat: Espontânea que floresce especialmente na Península Ibérica.

    Descrição: O Amor-Perfeito é uma planta herbácea, vivaz perene cultivada como anual, tem flores grandes, de várias cores (azul, vermelho, violeta, branco, amarelo, etc), arredondadas. A Viola possui folhas dentadas, de cor verde escuro, ovadas a cordiformes. Planta agrupada em montículos com muitos ramos, atingindo altura de 15-30 cm.

    Sementeira: Março-Abril ou entre Maio-Setembro.

    Transplantação: Março-Junho ou Outubro-Novembro.

    Luz: Sol, meia-sombra ou sombra.

    Solos: Os Amores-Perfeitos preferem solos ricos em matéria orgânica, húmidos e com boa drenagem.

    Temperatura: Temperado, temperado-quente, resistente ao frio.

    Rega: Regular, não encharcar o terreno.

    Adubação: Durante o início do crescimento e floração. Fertilizante 5:10:5

    Pragas e doenças: Caracois, Lesmas, Fungos

    Multiplicação: Semente

    Colheita: Os Amores-Perfeitos ou Violas são comestíveis se estiverem livres de pesticidas.

    Aplicações medicinais :

    Indicações: Abscessos, acnes, conjuntivites, dermatites, eczemas, erupções na pele, faringites, irritações nos olhos, inflamações da garganta, reumatismo, rugas na região dos olhos, sarampo, seborréia do couro cabeludo, secreções pulmonares, tosse.

    Partes utilizadas: Toda a planta.

    Contra-indicações/cuidados: O seu uso como diurético no caso de hipertensão, cardiopatía ou insuficiência renal moderada ou grave, só com controle médico.
    Há risco de perda incontrolada de líquidos, posibilidade de produzir descompensação tensional ou eliminação excessiva de potássio, com potencialização dos efeitos de cardiotónicos.

    Modo de usar:
    - folhas secas, pulverizadas: feridas;
    - infusão de uma colher de flores e folhas secas numa chávena de água quente, deixar por 3 minutos: afecções do sangue, debilidade nervosa, cansaço, doenças cardíacas nervosas, ecterícia. Beber 3 chávenas diárias, durante uma ou 2 semanas. Pode-se fazer compressas desta infusão em infecções cutâneas e gargarejo para feridas na boca ou garganta, bem como lavar os olhos;

    - infusão: macerar, em um quarto de litro de água fria, 8g de flores e folhas secas de amor-perfeito, por uma noite. Pela manhã, adicionar, 100g de leite açucarado e ferver. Filtrar o líquido, ingerindo-o em jejum. Continuar este tratamento por três semanas;
    - compressas com flores e folhas secas e esmagadas, misturadas com leite frio: feridas, chagas, úlceras.

    Constituintes químicos: Ácido ascórbico, ácido t-caféico, ácido cumárico, ácido gentísico, ácido heptanóico, ácido hidrociânico, ácido salicílico, arabinose, carotenóides, cumarinas, escoparina, galactose, glucose, orientina, rhamnose, rutina, saponaretina, saponarina, saponina, taninos, a-tocoferol, umbeliferona, vicenina, violantina, violaxantina, violutosídeo, yohimbina.

    Propriedades medicinais: Adstringente suave, anti-seborréica, ant-iinflamatória, bactericida, calmante, colagoga, depurativa, diurética, emoliente, laxante, sudorífera, tónica.

    Autor: André M. P. Vasconcelos (Engenheiro Agrónomo)

    Outras Sementes de Flores



    Clique para Imprimir


    Reviews
Categories